B I O T E C H
A importância do controle de qualidade microbiológica dos produtos de higiene pessoal, cosméticos e perfumes

A importância do controle de qualidade microbiológica dos produtos de higiene pessoal, cosméticos e perfumes

A qualidade de produtos de higiene pessoal, cosméticos e perfumes, é importante para proteger a saúde do consumidor, bem como garantir as características que um produto deve apresentar. Neste sentido, o controle de qualidade destes produtos visa verificar se todas essas características definidas estão de acordo com as normas e se serão mantidas durante a vida útil do produto. Além das análises físico-químicas, estes produtos devem atender aos padrões de qualidade microbiológica definidos na RDC Nº 630, DE 10 DE MARÇO DE 2022 - ANVISA, assim garantindo a segurança destes. Segundo essa resolução, os produtos são classificados em dois tipos, o "Tipo I: produtos para uso infantil, produtos para área dos olhos e produtos que entram em contato com mucosas" e o "Tipo II: demais produtos cosméticos suscetíveis a contaminação microbiológica". Com isso, para cada tipo são estabelecidos os parâmetros de qualidade microbiológica, que assegura a qualidade e a segurança biológica dos produtos para a saúde humana.  Dentre os microrganismos pesquisados, está o Staphylococcus aureus, uma das principais bactérias causadoras de infecções de pele e tecidos moles, como abscessos (furúnculos), furúnculos e celulite. Embora a maioria das infecções por estafilococos não seja grave, o S. aureus pode causar infecções graves, como infecções na corrente sanguínea, pneumonia ou infecções ósseas e articulares. Outro patógeno importante, é a Pseudomonas aeruginosa, uma bactéria que pode causar infecções no sangue, nos pulmões (pneumonia) ou em outras partes do corpo, a origem da contaminação dos produtos com está bactéria, na maioria das vezes, é da água utilizada na produção. Ainda sobre microrganismos, temos os Coliformes totais e fecais, que a presença destes nos produtos evidencia a falta de qualidade da matéria prima ou da água utilizada nos processos produtivos. Portanto, o controle de qualidade microbiológico é um importante alinhado para garantir a qualidade e segurança dos produtos. Para facilitar a pesquisa destes microrganismos nos produtos, a P&D BIOTECH tem a oferecer o "AGAR VG/CET/MAC (Vogel Johnson + Cetrimide + MacConkey), composto pelos meios de cultura dividido em três seções para a identificação destes microrganismos. Seção I: Agar Vogel e Johnson é um meio seletivo usado para a detecção de cepas de Staphylococcus aureus coagulase-positivas e manitol-positivas. Seção II: Agar Cetrimide é recomendado para o isolamento seletivo e identificação de Pseudomonas aeruginosa. Seção III: Agar MacConkey é recomendado para uso como meio seletivo e diferencial para o isolamento de bacilos Gram-negativos (incluindo organismos coliformes e patógenos entéricos), com base na fermentação da lactose.  

JÁ CONHECE NOSSOS PRODUTOS?

FAÇA AGORA MESMO
SUA COTAÇÃO.

FALE CONOSCO Whatsapp